quinta-feira, janeiro 03, 2008

«Ó pá, tu eras do Chaves... sim, mas antes já eras do Glorioso!»

Amigo Alvim, amigo Mega, o meu pedido de desculpas de há uns tempos atrás mantém-se, as nossas diferenças estão sanadas, mas... sinto-me na obrigação de revelar novos dados relativos a esta nossa, já longa, demanda pela verdade. Vejamos, então, o que se passou. Ontem a minha querida mãe apareceu-me lá em casa com uma pastinha repleta de papelada vária (recados, desenhos, textos, postalitos), toda ela respeitante à minha pessoa. Até aqui tudo bem, mas o sorrisinho dela não enganava ninguém e enquanto o armava mostrou-me dois desenhos que tinha previamente separado. Aqui vos deixo os dibujos para vossa apreciação.


Este, no verso, tem a seguinte legenda, escrita à mão pelo meu querido pai — "Julho 77. Ganhou o Benfica que está a rir. Perdeu o Sporting que diz Oh! Oh!"


Este (nitidamente posterior) não tem nenhuma legenda no verso, mas penso que fala por si...

Posto isto, que a partir de hoje não fique jamais em causa o meu benfiquismo! Se aos 16 anos (1987), numa altura em que o Chaves conquistava a Europa (lol), era o meu "ser do contra" que se levantava e vos marcava indelevelmente (lol), por outro lado, fica hoje provado que aos 6 anos (1977; dez anos antes!) era o meu benfiquismo que falava mais alto! Se por acaso amanhã surgir um desenhito, tipo datado de 1974, em que o Chaves era o melhor do mundo... bem, queimo-o e não vos digo nada.
Lol e bem-hajam!