quarta-feira, setembro 12, 2007

Há coisas fantásticas, não há?

Hoje dei-me conta de que a minha filha é mesmo um amor de pessoa, uma criatura adorável. Hoje apeteceu-me ser seu avô! Se já é um prazer ser seu pai, imagino só o que deve ser ser seu avô...

3 comentários:

Covas Dauro disse...

Só hoje?

cvr disse...

É bom, é mesmo bom, podes crer. CVR

aquelabruxa disse...

lol